5 de fev de 2010

AGENTES PENITENCIÁRIOS NA CADEIA

Agentes penitenciários são presos acusados pela morte de Magaive


Três agentes penitenciários foram presos no início da noite desta sexta-feira 05, acusados de terem assassinado o detento Magaive Batista de Souza 22 anos, encontrado morto em uma das celas do presídio Antonio Amaro Alves no último dia 31 de dezembro do ano passado. http://www.ac24horas.com/portal/index.php/acre/7584-assassino-de-menor-ncontrado-morto-dentro-de-cela-do-preso

Os acusados são os agentes; Roney Cristian, Jerônimo Batista e Daniel Ferreira da Mota.

Segundo o inquérito investigativo, sob o comando do delegado José Barbosa, os agentes teriam torturado Magaive e depois simulado a morte dele, fato esse, também confirmado pelo próprio Instituto de Administração Penitenciária IAPEN e divulgado em nota no site oficial do governo, atestando o suposto suicídio.

Os três agentes, já estão sob custódia da justiça no presídio da Papudinha no Distrito Industrial. O delegado responsável pelo caso, deve conceder entrevista coletiva na próxima segunda-feira 08.

Salomão Matos

3 de fev de 2010

"Acre viverá a maior cheia da história esse ano"

Ribeirinhos garantem que acreano viverá a maior enchente da história


Mesmo com a vazante do rio Acre na manhã desta segunda-feira 01, que amanheceu medindo 12 metros e 67 centímetros, quem mora ás margens do maior manancial do estado, pela experiência conta que esse ano teremos uma das maiores enchentes já registradas no Acre.

Eu percorrí de barco o leito do rio, conversando com as famílias que moram em suas margens, e conseguimos coletar alguns depoimentos de quem vive a situação na pele. A água na porta de casa.

Sérgio Soares de Paula 52, mora ha pelo menos 20 anos em uma das áreas mais afetadas pela cheia no bairro Airton Sena, Ele conta, que nunca viu o rio tão cheio nessa época do ano “ Por aqui, todo mundo tem um pouco de meteorologista e pela minha experiência eu posso garantir que a alagação que deu em 1997 vai ser coisa pouca de comparado a que se anuncia pelo volume de água que o rio Acre apresenta hoje” garante Sérgio

Raimundo de Melo 66, diz que vive no lugar desde os nove anos e já enfrentou muita enchente. Ele diz, que na alagação de 97, uma das maiores já registradas no estado, o leito do rio estava muito abaixo do de hoje. Ele aponta como marco de base, uma árvore da espécie Samaúma e afirma que nunca a água nessa época do ano, havia alcançado o seu tronco.

“Aqui da janela da minha casa nós ficamos observando o sobe e desce do nível das águas do rio. Aquela Samaúla ali –apontando para a árvore- é como fosse um sinal de alerta. Se em janeiro o troco dela já esta encoberto, você faça idéia quando for no mês de março que é o período mais crítico? profetizou

Nas projeções de análise do Centro Técnico da Defesa Civil Estadual, no mês de janeiro de 2010, choveu em torno de 406 milímetros de água, ou seja , mais que nos últimos 10 anos em relação o mesmo período.