9 de jul de 2011

O valor da vida no Acre por R$ 500

Comerciante é assassinado na Vila Acre

O corpo do comerciante João Gomes da Silva de 37 anos, deu entrada na madrugada deste sábado (09), no Instituto Médico Legal, vítima de arma branca.

Ele foi assassinado no Ramal Bom Jesus, [região da Vila Acre], em Rio Branco no Acre, por dois homens durante um assalto em seu comércio, onde levaram a quantia de R$ 500 que João havia recebido de um aluguel.

Os assaltantes fugiram em uma motocicleta e não há pistas até o momento.

Salomão Matos

No governo é tudo "gente fina "


Ta dominado

Disque denúncia da Justiça Eleitoral pode ser abolido nas próximas eleições

O serviço disque denúncia [0800 6422226], do Tribunal Regional Eleitoral- TRE/AC, ferramenta que o cidadão eleitor sempre pôde contar para apontar rregularidades de campanha dos candidatos e partidos políticos, pode ser abolido nas próximas eleições.
                    
O tema foi amplamente debatido ontem (08), durante encontro de juizes e desembargadores na sede da Escola Superior dos Magistrados do Acre, com juizes de todas as Zonas Eleitores da capital acriana e do interior do Estado.

Foi pelo disque denúncia, que o Ministerio Público Federal, na última eleição, chegou a um esquema supostamente usado pelos meios de comunicação do governo, em prol dos candidatos da Frante Popular do Acre e que gerou uma série de inquéritos contra o hoje senador da República Jorge Viana (PT).

Salomão Matos

5 de jul de 2011

Fórum Permanente de Segurança pública é instalado em Porto Acre


Os vereadores e o prefeito do município de Porto Acre, Zé Maria (PT), aproveitaram a presença do secretário de Segurança Pública Ildor Reni Grabner, na manhã desta terça-feira (05), durante a instalação do Fórum Permanente de Segurança naquela cidade e apontaram os gargalos da violência e o tráfico de drogas sem controle e ausência do único delegado de polícia, que segundo o vereador Eldo Penha (PC do B) “é um turista e vive mais na capital acriana que propriamente em Porto Acre, deixando inclusive a delegacia com as portas trancadas, onde sequer a população pode fazer o registro de uma simples ocorrência ”, denunciou.

Na ocasião, o prefeito Zé Maria, agradeceu a presença do secretário, e disse estar satisfeito, que “a partir da instalação desse Fórum Permanente de Segurança iremos apontar soluções para os velhos problemas da violência em Porto Acre e definitivamente colocar em prática, os projetos na área de segurança pública nas Vila do V,  Caquetá, Vila do INCRA e todos sairão ganhando eu não tenho dúvidas”, disse o prefeito.

Salomão Matos

É greve geral! Sindicatos não abrem para Tião

A paralisação dos servidores públicos estaduais do Acre, nesta quarta-feira (05), compreendendo DEZ sindicatos, atingiu em cheio o atendimento público da população acriana e pode piorar ainda mais .

Pelo lado do Sindicato dos Médicos- SINDIMED, “todas as cirurgias foram suspensas, salvo as de emergência”, disse o representante da categoria Ressini Jarude e garantiu que amanhã (06), irão manter o mesmo padrão, até que o governo atenda as suas propostas.

Já o Sindicato dos Técnicos e Auxiliares de Enfermagem, trabalharam com apenas 30% dos seus filiados,  o que prejudicou agendamentos e procedimentos cirúrgicos, nas enfermarias e hospitais tanto na capital acriana quanto em parte do interior do estado.

Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Acre- SINTESAC,  Antonio Daniel, “enquanto o governo não ceder as propostas da categoria, [percentual linear de 20.05% integral], com reajuste concedido de uma única vez, a greve vai continuar. Daniel disse também, “hoje paralisamos 70% dos profissionais em saúde na capital acriana como manda a Lei e amanhã (06), haverá adesão de todos os profissionais do interior do estado. Vamos manter apenas os 30%  da saúde funcionando no Acre”, garante.

Os mesmo, aconteceu nas áreas de odontologia e de radiologia. Os profissionais se limitaram a não agendar novas consultas/exames e a realizar procedimentos que não fossem absolutamente emergenciais, nos centros, postos de saúde e Unidades de Pronto Atendimentos- UPAS.

Embora a greve tenha adesão da Policia Militar. A segurança pública ainda não foi comprometida. Para os representantes das categorias da Associação dos Militares- AME e do Corpo de Bombeiros, Izaque Ximenes e Abraão Pupio, respectivamente, “ a nossa greve não atingirá a segurança da população mas por outro lado, vamos fazer uma greve branca.  Não vamos tolerar absolutamente nada. Ônibus que circulam transportando passageiros sem documentação não vai poder circular. Policial que dirige com a carteira de habilitação vencida não vai mais dirigir viatura, como somos obrigados mesmo assim. Policial sem fardamento, já que o governo não compra, também não é obrigado a trabalhar. Vamos adotar o padrão que chamamos de tolerância zero”, garantiram.

Uma nova manifestação das dez categorias em greve, sera feita a partir das 8h desta quinta-feira (06), em frente o pronto Socorro de Rio Branco em um um novo protesto e garantem que o reajuste de 20% concedido pelo governo divididos em 4 vezes, não cobre as perdas salariais entre 2007/2010,  e “esse percentual anunciado de 20% é um engodo.  O estado não concede reajuste de salário desde 2007 e essa proposta de aumento dividido em parcelas até 2012, não considera a inflação de 2011 e nem de 2012.  O ganho real proposto pelo governo chegaria ao final das parcelas de reajuste a somente 8%. A categoria dos educadores que aceitaram a proposta pressionados foram enganados. Queremos reajuste de 20.05% de uma única vez ou nada feito. A greve vai continuar”, disse Ressini Jarude do Sindicato dos Médicos.

Salomão Matos

E a saúde do Acre Ó...

Acre é destaque no Jornal Nacional por ter apenas um mamógrafo funcionando

E agora Tião Viana?

Em uma longa reportagem do Jornal Nacional da Rede Globo, o Acre apareceu em destaque na noite desta segunda-feira, 04, por ter apenas um mamógrafo em funcionamento em todo o Estado. A falta de mamógrafos, já foi alvo de denúncia da deputada Antonia Sales (PMDB), que no início da atual legislatura, detalhou o sofrimento das mulheres do Vale do Juruá, que precisam se deslocar até a capital, Rio Branco, mesmo com a incerteza do atendimento.
O drama das mulheres acreanas ganhou o noticiário nacional. Na época da denúncia da deputada peemedebista, os governistas negaram com veemência, afirmando que o Estado teria três aparelhos em atividade e, mais dois em manutenção. A reportagem desmente mais uma vez os pronunciamentos da base governista, que ao surgir denuncias, sempre saem em defesa da administração estadual, mostrando os avanços do setor de saúde pública do Acre.
Fonte: ac24horas

4 de jul de 2011

Preparem o agasalho e o cobertor

Acre terá madrugada mais fria do ano nesta terça (05), diz Inmet
 
O Instituto Nacional de Meteorologia- Inmet, divulgou no início da tarde desta segunda-feira (04), um novo boletim meterológico para o Acre e anuncia a madrugada mais fria do ano no estado.

Pela estimativa do portal do tempo, a terça-feira (05), será ainda mais fria, com temperatura mínima de até 12º C.

A máxima diz ainda o inmet, não deve ultrapassar os 26º C.

Salomão Matos

Vergonha!

Proporcionalmente o Acre é o 2º no ranking nacional em menores internos por crimes

18.107 adolescentes estavam internados em 2010, aponta governo.

Levantamento realizado pela Secretaria Nacional dos Direitos Humanos aponta que 18.107 adolescentes estavam internados no fim de 2010 no país, cumprindo pena de restrição de liberdade por terem praticado algum crime. O número é cerca de 4,5% superior ao ano anterior. O governo credita o crescimento principalmente devido ao incremento da internação provisória de jovens infratores, em especial no estado de São Paulo.

Dentre os 18.107 adolescentes, 17.703 cumpriam decisão judicial de internação, internação provisória ou estavam em condições de semiliberdade. Outros 404 estavam internados por outros motivos, aguardando decisão judicial sobre o caso. O ano passado fechou com 58.764 adolescentes cumprindo medida socioeducativa no país, segundo a secretaria, sendo que 40.657 estavam totalmente em meio aberto
Em números absolutos, São Paulo lidera: eram 7.074 adolescentes internados em dezembro de 2010;  quase um terço do total do país. Em seguida vêm os estados de Pernambuco, com 1.474 adolescentes, e Paraná, com 1.092.
Na proporção de internos em relação à população adolescente, a maior marca é do Distrito Federal, com 29,6 internos para cada 10 mil, diz a Secretaria de Direitos Humanos.


Em seguida, estão Acre (19,7), São Paulo (17,8), Pernambuco (14,8) e Espírito Santo (13,4). A menor proporção foi encontrada no Maranhão (1,2), Amapá (1,5) e Piauí (1,6).
Leia tudo no G1: http://g1.globo.com/brasil/noticia/2011/07/numero-de-menores-internados-por-crime-cresce-45-no-brasil.html

Abandono

Fogo em área abandonada do governo por pouco não consume residencia no Rui Lino II


Terreno ha anos vem sendo usado por marginais para consumo de drogas, prostituição

Um incêndio em uma área abandonada do governo do estado, [a mesma que foi invadida no início da semana passada por familias sem teto do Ramal Bom Jesus], por pouco não consume uma residencia no conjunto Rui Lino II em Rio Branco no Acre, na noite deste domingo (03).
Não fosse a intervenção de vizinhos, a residencia teria sido destruída pelas chamas que chegou a alcançar uma altura de mais de três metros.

A área de aproximadamente 20 hectares, segundo o governo, é destinada ao Porgrama Minha Morada para construção 700 moradias, mas no entando, o local há anos vem sendo usado para consumo de drogas, prostituição e serve ainda para refugio de bandidos.

Salomão Matos

O Acre que vem dando certo


Prefeito de Porto Acre, Zé Maria (PT) investe na recuperação e abertura de ramais, mecanização agrícola e transporte da produção
Defensor da tese de que aonde existe produção o poder público deve incentivar o homem do campo levando os benefícios necessários para que continue trabalhando com a certeza da melhoria, o prefeito do município de Porto Acre, Zé Maria (PT), tem dado prioridade ao setor produtivo. Com o apoio dos governos estadual e federal, a prefeitura oferece às famílias de agricultores atendimento especial, colocando máquinas a sua disposição para a mecanização agrícola, doando calcário, assistência técnica e a conservação e abertura de ramais.

No Projeto de Assentamento Tocantins, distante da sede do município 80km, onde moram e trabalham 563 famílias, pode-se observar grande parte dos serviços que já foram realizados e os novos investimentos da prefeitura que estão chegando. E os resultados tem sido excelentes.

Plantios como de mandioca, banana e abacaxi, foram feitos em áreas beneficiadas pelo programa de destoca e mecanização agrícola.

O agricultor Teodorico Gonçalves de Oliveira Neto, conhecido por Neto, é dono de um plantio com cinquenta e cinco mil pés de abacaxi, no quilômetro 1 do Ramal Boa União, conhecido também por Ramal do Seringueiro. Ele diz que depois que a prefeitura começou a investir no ramal, ficou motivado a aumentar o plantio e investir em outras culturas. “Aqui eu trabalho além do abacaxi, com o milho, a mandioca, arroz, feijão e outras variedades de fruteiras. Com a prefeitura nos ajudando na destoca e mecanização da propriedade e arrumando o ramal, nós melhoramos a qualidade de nossos plantios e temos a certeza de que teremos como tirar a produção para garantirmos nossa renda”, disse Neto que, trabalha em conjunto com o pai e os irmãos e juntos têm mais de cento e cinqüenta e cinco pés de abacaxi e pretendem agora produzir ainda mais.

O agricultor Donizete Antonio da Costa mora no Projeto Tocantins há quinze anos. Atualmente trabalha em uma propriedade no Ramal do Seringueiro, na Reserva Cunha Gomes. Investe no plantio de feijão, arroz, café e milho.

Este ano, só de milho, Donizete Costa colheu doze toneladas de três variedades. Esta semana ele foi o privilegiado de estrear o programa implantado pelo prefeito Zé Maria que garante o transporte da produção agrícola no município. Em um caminhão adquirido pela prefeitura com recursos de emenda constitucional do então senador Tião Viana, a secretaria de agricultura transportou o milho que estava armazenado na propriedade de Donizete Costa para a cidade. “A situação do produtor rural de Porto Acre agora é outra, bem mais confortável. Graças à dedicação do prefeito Zé Maria nós podemos produzir com tranqüilidade porque sabemos que teremos o apoio do município desde o plantio até o transporte dos produtos. Isso nunca existiu. Estamos gratos por esses incentivos”, disse o produtor, revelando ainda, que antes os produtores tinham que fazer cota para pagar um tratorista particular para abrir o ramal para que a produção fosse escoada. Além de pagar caro pelo transporte.

Segundo o prefeito, o município tem mil e quinhentos quilômetros de ramais e a meta este ano é beneficiar pelo menos quinhentos quilômetros, o que significa a garantia de trafego nos principais ramais e algumas estradas vicinais. “Tenho que agradecer muito o Governo do Estado através do governador Tião Viana, O Incra e nossos parlamentares que tem tratado Porto Acre com muito carinho. Ainda tem muita coisa por fazer, mas já avançamos muito graças a essas parcerias”, diz o prefeito ao revelar que sem o apoio do Governo do Estado, Governo Federal e dos deputados e senadores, a realização de todos esses trabalhos seriam praticamente impossíveis.

Ailton Oliveira