25 de out de 2011

"Barrigada"

Assessor de Comunicação de Tião Viana, desdenha do MPF/AC sobre investigação de Parque Gospel

O assessor de comunicação do governador do estado Acre, Leonildo Rosas, usou a sua conta no twitter na manhã desta terça-feira (25), para desdenhar sobre a publicação na mídia pelo Ministério Público Federal, em relação as investigações que o órgão da União pretende fazer, com relação a instauração de inquérito civil para apurar a regularidade da construção de um “Parque Gospel” na capital acriana.

A portaria do MPF, considera  que em se confirmando o financiamento público para uma obra religiosa, poderia estar sendo ferido o princípio da igualdade, já que o ônus financeiro da construção estaria sendo imposto a todos, os crentes e os não-crentes, os religiosos e os que não tem religião alguma.

No micro blog, Leonildo Rosas, estranhou a atitude do MPF, dizendo, “barrigada. Vai investigar o que não existe. O problema será se investigarem a aplicação em outras entidades religiosas. Outra pergunta: desde quando se investiga anúncio? Risivel”, escreveu o assessor.

2 comentários:

  1. Eles se acham acima da constituição!!

    ResponderExcluir
  2. E triste não poder se identificar pra responder sobre isso.. porque vivemos em uma ditadura...

    ResponderExcluir