19 de fev de 2011

Se desobedecer olha pra vocês no fim do mês

Obedientes ao patrão, veículos de comunicação silenciam no Acre
Numa clara demonstração de obediencia ao patrão, a maioria dos veículos de comunicação do Acre, se ativeram em não publicar absolutamente nada sobre a nota da Agência de Notícias da Justiça Federal, que apresentou recurso contra expedição do diploma do governador do Acre, Sebastião Afonso Viana Macedo das Neves, do vice Carlos César Correia de Messias, do senador Jorge Ney Viana Macedo Neves e dos suplentes, Nilson Moura leite Mourão e Gabriel Maia Gelpke.
O pedido, foi feito com base, contra os candidatos eleitos em virtude de supostos atos abusivos e ilícitos na utilização dos meios de comunicação em suas campanhas. Segundo ainda o MPE, eles teriam conduzido a linha editorial dos periódicos de grande circulação e de canais de rádio e televisão locais, fortalecendo as imagens por meio de matérias jornalísticas positivas á eles e  dirigindo críticas aos seus oponentes.
Em tempos bicudos de pautas parcas, onde uma simples nota de divulgação dando contra da suspensão de emissão de RG são publicados em todos os canais e veículos de comunicação, a justiça bem que poderia recolher os períódicos deste sábado 19, e intimar os proprietários para uma acariação sobre a procedência das denúncias apresentadas pelo MP, já que uma notícia tão relevante, sequer mereceu uma linha ou comentário. (na maioria)
Salomão Matos      

Nenhum comentário:

Postar um comentário