3 de mar de 2011

Conselho Tarifário: marionete de empresários dos transportes coletivos

Conselho Tarifário: marionete de empresários dos transportes coletivos de Rio Branco
A câmara municipal de Rio Branco-AC, realizou na manhã desta quinta-feira, 03, sessão especial para debater sobre a criação de um novo conselho tarifário e a qualidade dos transportes coletivos na capital acreana.

Segundo o vereador Raimundo Vaz (PMDB), disse que ao longo dos 20 anos, desde a criação dos conselhos comunitários, que antes tinham papel fundamental para decidir pelo aumento ou não do preço das passagens dos transportes coletivos, perdeu a sua identidade e de comunitário passaram a ser chamados de conselho tarifário, por se reunir, somente quando há interesse dos donos de empresas de ônibus para deferir o umento da tarifa. ” O Conselho Tarifário virou  marionete nas mãos dos donos de empresas de ônibus” acusou Vaz 

Para Raimundo Vaz, "o que queremos é formar um conselho verdadeiramente forte e participativo. Que fale a língua de quem usa o transporte coletivo e não, que diga somente amém quando convocados pelos donos de empresas de ônibus para aumentar o preço das passagens", afirma.

O parlamentar disse ainda, que a partir dessa sessão, haverá abertura de projeto para destituir a atual gestão do conselho vigente e uma nova diretoria, voltada de fato para os interesses da população riobranquense seja empossada.

Vaz disse também, que o Conselho Tarifário é o principal responsável pelo último aumento da tarifa de ônibus que passou de R$ 190 para R$ 2.40. “O Conselho tem poderes inclusive para derrubar esse valor atual.  O Conselho é deliberativo e tem essa prerrogativa. O que temos hoje é uma diretoria fraca e obediente, que atende somente os interesses dos donos de empresas de ônibus e esquece para que foram eleitos. Defender a população”, lamenta.

Salomão Matos com informações do Programa Boa Noite Rio Branco

Nenhum comentário:

Postar um comentário