25 de mar de 2011

Tudo ficha limpa


PP e PSDB podem fazer mais um deputado na Aleac

Após a decisão no ultimo dia 23,  por 6 votos a 5, pelo Supremo Tribunal Federal (STF) dando conta que a Lei da Ficha Limpa não deveria ter sido aplicada nas eleições do ano passado, impugnando os votos dos candidatos considerados ficha suja torna sem efeito e passam a valer para as legendas e partidos.
Deve haver uma reviravolta e troca de cadeiras também na Assembléia Legislativa do Acre, a exemplo do que já vem ocorrendo no Senado e na Câmara Federal em Brasília.
Segundo o Diretor Geral do TRE-AC, Marcus Vinicius, “a partir da publicação do acordão do Superior Tribunal Eleitoral haverá um novo reprocessamento na contagem de votos no estado, considerando os votos de cada coligação e dos candidatos que tiveram seus votos anulados, equacionando o que chamamos de coeficiente eleitoral”, explicou. 
Para Vinicius, ainda é impreciso e cedo dizer que determinada coligação possa fazer mais uma cadeira na câmara da ALEAC, mas lebrou que houve coligações que por muito pouco deixaram de fazer mais um deputado, como o Partido Porgressista (PP) e o Partido Social Democráta Brasileiro (PSDB).  Cauteloso, Vinicius disse que “somente após esse reprocessamento de votos que não foram contabilizados é que saberemos o que vai mudar de fato”, disse.
Das coligações e candidatos que não foram contabilizados os votos, somam-se as do PP dos candidatos José Bestene que obteve 1.664 votos e de Vilceu Ferreira que obteve 575 votos, totalizando 2.239 votos.
Já pela coligação PSL/PSDB, os votos não contabilizados somam 1.194 votos, do candidato Bebeto Júnior.
Animado com a decisão do STF e já de olho em uma das cadeiras na assembléia legislativa, o candidato tucano Luiz Gonzaga, que obteve 4.008 votos na eleição passada, de Cruzeiro do Sul, disse por telefone que aguarda ancioso o reprocessamento dos votos e que, “eu não fui eleito por muito pouco e agora com essa nova recontagem de votos validando os votos do Bebeto, eu tenho quase certeza que nós vamos assumir essa vaga na Aleac. No lugar de quem eu ainda não sei,  mas que vamos assumir isso vamos”, garante.
Salomão Matos

Nenhum comentário:

Postar um comentário